Binance abrirá escritório em Malta depois de aviso regulatório japonês

29/03/2018


A principal exchange de criptomoedas, Binance, anunciou que abrirá um escritório em Malta após os reguladores japoneses terem emitido uma intimação contra eles. A Binance, baseada em Hong Kong, é a exchange com maior volume financeiro pelo CoinMarketCap, e irá trabalhar com bancos locais de Malta para depósitos e levantamentos de fiat para criptomoedas.

O CEO da Binance, Changpeng Zhao, conhecido na comunidade de criptomoedas como "CZ", disse à Bloomberg que ele havia sido convidado pelo governo de Malta, a fim de olhar para um próximo projeto de lei "favorável" às empresas de criptomoedas:

“Estamos muito confiantes de que podemos anunciar uma parceria bancária em breve. Malta é muito progressista quando se trata de criptomoedas e fintech.”

De acordo com o canal de notícias local Malta Independent, o governo do país lançou a Autoridade de Inovação Digital de Malta em fevereiro de 2018 para fornecer clareza jurídica às empresas que desenvolvem tecnologias blockchain, criptomoedas e ICOs.

O primeiro ministro de Malta, Joseph Muscat, também mostrou sua empolgação, através do twitter, com o movimento de Malta e da Binance juntos:

“Bem vindo a Malta @Binance. Nosso objetivo é ser os pioneiros globais na regulamentação de negócios baseados em blockchain e a jurisdição de qualidade e escolha para empresas de fintech de classe mundial.”

Zhao respondeu ao tweet do primeiro-ministro, acrescentando uma frase sobre as possibilidades globais de criptomoedas em Malta:

“Honrado, senhor! Parte da minha citação original à Bloomberg que foi deixada de fora do artigo: Malta é muito progressista quando se trata de criptomoedas e fintech. Achamos que é um bom lugar para outras empresas de criptomoedas investigarem também."

A Binance abriu um escritório no Japão enquanto tentava receber uma licença para operar no país. Em 23 de março, a Autoridade de Serviços Financeiros do Japão (FSA) emitiu um aviso sobre o status não registrado da Binance que levou a empresa a se mudar, de acordo com Zhao.

No início de fevereiro deste ano, os reguladores de Hong Kong haviam publicado um aviso aos investidores sobre os riscos de investir em criptomoedas, observando que haviam expedido cartas para sete exchanges baseadas em Hong Kong com uma advertência sobre o comércio de criptomoedas não consideradas “títulos” de acordo com as leis locais. Bloomberg relata que a Binance foi uma das sete exchanges a receber a carta de advertência.

A Binance também já anunciou que lançará em breve uma plataforma descentralizada assim que a tecnologia estiver pronta.

Site da Binance para cadastro: https://goo.gl/wUwzvw

Fonte: cointelegraph


COMENTÁRIOS