CriptoBlock terá 3ª edição repleta de novidades e inclusão social

13/11/2019


A terceira edição do CriptoBlock ocorrerá entre os dias 15 e 16 de novembro na Investe SP, que fica na Avenida Escola Politécnica, número 82, no bairro Jaguaré da capital paulista.

O CriptoBlock é um evento do mercado de criptomoedas brasileiro focado em um público mais leigo. Seu objetivo é difundir a adoção e a usabilidade das criptomoedas. Além de ser uma oportunidade ímpar para conhecer empresas, desenvolvedores, influenciadores e enriquecer sua rede de contatos participando de um evento único e diferenciado.

O evento disponibilizará estacionamento gratuito e todos os participantes receberão CashBack em CriptoBlock Coin equivalente a 50% do valor pago pelo ingresso, que poderá ser utilizado para compra no próximo evento, além de poder negociar em uma exchange descentralizada que estão configurando pós evento.

A CriptoBlock Coin é um projeto que vem sendo desenvolvido desde janeiro. Como a ideia da criptomoeda própria do evento é poder realizar transações sem taxas, foi escolhido o blockchain da Tron, que não tem o GAS (taxa de transações) como na Ethereum. Além disso eles fecharam uma parceria com a carteira TrustWallet para garantir que as transações sejam feitas sem taxas.

Comprando o ingresso, o participante receberá 50% do valor do ingresso em CriptoBlock Coin e um parceiro do evento estará vendendo a criptomoeda de forma controlada. A ideia não é difundir demais a moeda por enquanto. Eles querem mantê-la apenas no evento e já fecharam parcerias com food trucks e lojas, que comercializarão seus produtos no evento e aceitarão a CriptoBlock Coin.

Dentre os palestrantes do evento estão diversos membros do mercado de criptomoedas brasileiro com bastante conhecimento para agregar ao público do evento. Participarão figuras como o Wladimir Crippa, CEO da BITCONF; Edilson Lauro, do canal do Youtube Investimentos Digitais; Roberto Pantoja, do canal do Youtube Investidor Anarquista; o advogado Rafael Steinfeld, advogado tributarista que atua também na área de criptoativos; Vô Epaminondas, do canal do YouTube Velho Bitcoin; Felipe Escudero, do canal do YouTube Bitnada; Rodrigo Digital, do canal do YouTube Dash Dinheiro Digital, além de diversas outras figuras.

O evento contará também com tradutores em libra e levará deficientes auditivos para conhecer o mundo das criptomoedas. Além disso, a organização do evento teve uma preocupação muito grande com a acessibilidade para cadeirantes, que também estarão presentes no evento.

Hudson Alves, idealizador do evento, recusou mais de 20 pedidos de estandes de empresas que são ou tinham associação com pirâmides financeiras. Nesse momento, o mercado como um todo sofreu com diversos escândalos, que lesaram diversos investidores. Ele pediu que as demais empresas do setor se juntem a eles e neguem capital de pirâmides, para que possam deixar essas empresas à margem e destacar o trabalho das empresas sérias.

 

Isenção de responsabilidade. A Universidade do Bitcoin não endossa nenhum conteúdo nesta página. Embora tenhamos como objetivo fornecer a você informações importantes do mundo das criptomoedas, os leitores devem fazer sua própria pesquisa e análise antes de tomarem quaisquer decisões e assumir total responsabilidade por elas, nem este artigo pode ser considerado como um conselho de investimento.

Fonte:


COMENTÁRIOS