Tecnologia "sharding" está chegando à rede Ethereum

02/05/2018


A Ethereum poderá em breve ter sua capacidade de processamento de transações aumentada drasticamente com o uso do chamado "sharding", segundo o cofundador Vitalik Buterin postou no Twitter em 30 de abril.

Em uma publicação do Reddit e uma série de tweets, Buterin apresentou uma prova de conceito para a tecnologia e sugeriu que o “conjunto de ideias” para sua implementação na Ethereum era “bem estabelecida”.

Sharding é um método para aumentar o número de transações que um blockchain pode processar. Projetado para ser usado "on chain", vários computadores da rede dividem a carga de trabalho da transação entre eles, permitindo que muito mais ocorra dentro do mesmo período de tempo.

O tempo necessário para processar blocos "shard" (fragmentados), aqueles divididos entre grupos de computadores, seria em torno de 10 segundos, sugere Buterin. Em uma série de tweets, Buterin explicou:

“Eu não diria que está finalizada neste ponto, embora as ideias estejam bem estabelecidas. A pesquisa mais recente consiste em combinar ideias existentes sobre redução de escala e latência (ou seja, tempo de bloqueio).”

Ele acrescentou em um tweet a seguir que “o princípio primordial é aproximar-se o máximo possível de propriedades equivalentes a uma única cadeia'”.

Já faz algum tempo que desenvolvedores da Ethereum têm procurado maneiras de fornecer melhorias na escala de processamento, facilitando a competitividade com processadores de pagamento fiduciários como a Visa.

Fonte: cointelegraph


COMENTÁRIOS