Chefe do FMI diz que a própria tecnologia do bitcoin poderia ser usada para regulamentá-la

14/03/2018


Christine Lagarde pediu aplicação de medidas duras ao bitcoin usando a tecnologia por trás da moeda digital para "lutar fogo contra fogo".

A chefe do Fundo Monetário Internacional disse que as autoridades em todo o mundo poderiam aproveitar o potencial das criptomoedas para ajudar a controlá-las, advertindo que a falta de tal permitiria o desenvolvimento do "maior veículo para lavagem de dinheiro e financiamento do terrorismo".

Em um post do blog do FMI, Christine disse que as próprias inovações das criptomoedas poderiam ser usadas para ajudar a regulamentá-las. "Nós podemos aproveitar o potencial dos criptoativos, assegurando que eles nunca se tornem um paraíso para atividades ilegais ou uma fonte de vulnerabilidade financeira".

A tecnologia de distributed ledgers, que permite a autenticação de transações sem que elas sejam administradas ou garantidas por uma autoridade central, poderia ser usada para acelerar o compartilhamento de informações entre os reguladores para melhorar o monitoramento do sistema financeiro.

Ela disse que os desenvolvimentos das criptomoedas, incluindo o blockchain, são avanços emocionantes que poderiam ajudar a revolucionar os serviços financeiros, fornecendo métodos de pagamento de baixo custo para aqueles que não possuem contas bancárias. No entanto, ela disse que há "perigo que acompanha a promessa".

Os simpatizantes do bitcoin disseram que a tecnologia tem o potencial de tornar os pagamentos diários mais fáceis e mais baratos. No entanto, os economistas disseram que a moeda digital representa uma bolha especulativa perigosa.

Christine Lagarde disse que as criptomoedas podem fazer com que novas vulnerabilidades se desenvolvam no sistema financeiro mundial, ilustrado pelo seu rápido crescimento e mudanças voláteis nos preços. O bitcoin, a mais conhecida de milhares de moedas digitais desenvolvidas nos últimos anos, ganhou mais de 900% de valorização no ano passado e atingiu quase US $20.000 antes do natal, mas depois caiu para menos da metade.

Swings trades de até 30% são comuns, aumentando a perspectiva de grandes ganhos ou perdas para os investidores.

"Não seria sábio descartar os criptoativos, devemos acolher seu potencial, mas também reconhecer seus riscos ", disse Christine. Mark Carney, o governador do banco da Inglaterra, disse no início deste mês que o o bitcoin enfrenta uma regulação com medidas duras, mas elogiou o potencial da tecnologia. Ele disse que a anarquia não poderia reinar no mercado das criptomoedas, e que elas até então não cumpriram sua função mais básica: como dinheiro.

O banco apresentará este mês, na Argentina, um relatório ao G20, onde Mark Carney sugere controles maiores e detalhando como o banco central testou maneiras de usar a tecnologia no sistema de pagamentos britânico. Mark disse, no entanto, que é improvável, nesta fase, que ações internacionais sejam tomadas para regular as moedas digitais, o que significa que a tarefa será feita pelos países individualmente.

 

Fonte: TheGuardian


COMENTÁRIOS