Corinthians entra para o mercado de criptomoedas e lança token de torcedor

28/06/2021


Um dos maiores clubes do futebol brasileiro, o Corinthians anunciou nesta terça-feira, 22, que será mais um clube brasileiro no mercado de criptomoedas, graças à uma parceria com a Chiliz para o lançamento do seu token de torcedor em blockchain.

O anúncio do clube foi feito nas redes sociais e através da assessoria de imprensa da Chiliz. Com a iniciativa, o Corinthians junta-se à uma gama de 39 clubes do mundo todo que têm fan tokens lançados em parceria com a startup blockchain, entre eles o brasileiro Atlético Mineiro e gigantes europeus como PSG, Juventus e Barcelona.

Os tokens SCCP seguem o mesmo padrão dos outros projetos de fan tokens. Os proprietários da criptomoeda poderão participar de decisões do clube, promoções especiais, adquirir conteúdo exclusivo e receber recompensas por interação na plataforma da Chiliz, a Socios.com.

Duilio Monteiro Alves, presidente do Corinthians, se pronunciou sobre a iniciativa: “Temos o orgulho de anunciar esta parceria com a Socios.com e a Chiliz como resultado de nossa intensa busca por inovações e novas plataformas de engajamento com nossa torcida. Agora, mais de 35 milhões de torcedores no Brasil e muitos mais ao redor do mundo poderão interagir com o Corinthians de formas emocionantes, onde quer que eles estejam. Como nossos tempos exigem muito avanço no ambiente digital, este é um passo importante que comprova nosso foco na modernização”.

O CEO da Chiliz, Alexandre Dreyfus, comemorou o acerto e mostrou-se empolgado com o novo fan token, já que o Corinthians conta com uma das maiores torcidas do mundo, de cerca de 30 milhões de pessoas, que agora poderão ser impactada pelo mercado de criptomoedas.

“Este é realmente mais um marco em nossas parcerias. O Corinthians é um time com uma das maiores torcidas do planeta, com uma base local incrivelmente apaixonada e uma diáspora de torcedores ao redor do mundo, todos querendo uma conexão maior com seu time do coração. Os fan tokens SCCP darão aos torcedores dessa camisa hstórica a chance de desfrutar de uma influência e um engajamento sem precedentes. Os fan tokens vão moldar o futuro das interações para os torcedores no Brasil, na América do Sul e ao redor do planeta, e estou muito satisfeito por o Corinthians ter se tornado o mais recente gigante a se unir a essa transformação inédita de fãs passivos para participantes ativos – um movimento que criará uma relação melhor entre torcidas e clubes”, disse o executivo.

Neste ano a Chiliz expandiu suas operações no mundo e já conta com escritórios na Espanha, Turquia, Argentina e São Paulo. A empresa blockchain também planeja abrir uma sede nos Estados Unidos. Além de parceiros poderosos no mundo do futebol, a empresa também formou parcerias em outros esportes, como o UFC e a Fórmula 1.

Fonte: Exame.com

Isenção de responsabilidade. A Universidade do Bitcoin não endossa nenhum conteúdo nesta página. Embora tenhamos como objetivo fornecer a você informações importantes do mundo das criptomoedas, os leitores devem fazer sua própria pesquisa e análise antes de tomarem quaisquer decisões e assumir total responsabilidade por elas, nem este artigo pode ser considerado como um conselho de investimento.


COMENTÁRIOS