O que fará o Bitcoin bater seu topo histórico? Opinião de especialistas e investidores

08/05/2018


Depois de uma correção desagradável, o Bitcoin está de volta à zona verde. A "moeda do povo" teve uma alta de aproximadamente 9% na última semana e chegou a cruzar a marca de US $9500. Isso está perto de 50% acima de suas baixas recentes, um sinal encorajador para os touros do Bitcoin.

Alguns especialistas acham que a moeda digital alcançará e baterá o seu antigo topo histórico desde que três coisas aconteçam com o Bitcoin.

A primeira coisa é a alta taxa de adoção do Bitcoin como reserva de valor e como meio de troca, duas funções comuns entre as moedas convencionais. Isso, por sua vez, levará uma melhor infraestrutura de segurança. Christian Ferri, Presidente e CEO da BlockStar diz:

“Assumindo que o Bitcoin será usado como uma reserva de valor daqui para frente (por exemplo, ouro digital), será necessária uma melhor infraestrutura de segurança abrangendo todo o ecossistema das criptomodeas para as pessoas depositarem confiança nesse novo meio financeiro e começarem a usá-lo. Uma vez que isso aconteça, mais pessoas vão entrar, então uma infraestrutura escalável será crucial.“

Uma infraestrutura de segurança melhor ajudará o Bitcoin a melhorar sua função como reserva de valor, mas não melhorará sua função como meio de troca. Aprimoramentos de protocolo que estabilizarão o valor diário do Bitcoin melhorarão sua função como meio de troca. Christian Ferri acrescenta:

“Se novas melhorias forem feitas no protocolo para permitir que o Bitcoin (ou um fork dele) se torne um meio para transações cotidianas (por exemplo, comprar seu café com Bitcoin), precisaremos de um mecanismo de estabilidade, além de segurança e escalabilidade mencionada acima. Desta forma, o café não lhe custará $5 hoje e $50 amanhã.”

A segunda coisa na lista que poderia ajudar o Bitcoin a alcançar novos topos é o fluxo de dinheiro institucional em fundos de índice de criptomoedas.

Paul A. Taylor, presidente executivo da Fabric Foundation, diz:

“O fluxo de dinheiro de instituições que investem em fundos de índice de criptomoedas causará uma cascata, fazendo com que o rebanho se apresse.” Darren Marble, do CrowdfundX, concorda com Paul e acrescenta:

“Nesta fase, os investidores institucionais detêm a chave para o crescimento do Bitcoin. Preocupações sobre liquidez, segurança, risco de contraparte e custódia de ativos impediram até agora investidores institucionais de comprarem Bitcoin em bolsas descentralizadas.”

Para que essa situação mude, uma série de exchanges reguladas devem entrar no mercado.

Darren Marble adicionou:

“Somente quando as exchanges regulamentadas, como a tZERO, Coinlist ou até mesmo a NASDAQ puderem entrar em operação com suas plataformas secundárias de criptomoedas, o dinheiro inteligente começará a entrar diretamente no Bitcoin. Quando isso acontecer, as comportas se abrirão e veremos um novo paradigma emergir; a capitalização de mercado excederá US $1 bilhão e o Bitcoin terá novas altas históricas.”

A terceira e última coisa que teria que acontecer com o Bitcoin é a proliferação de fundos negociados em bolsa relacionados à criptomoedas (ETFs).

Chris Kline, co-fundador e COO da BitcoinIRA.com diz:

“Os fundos negociados em bolsa relacionados às criptomoedas podem permitir uma negociação mais simples por meio de contas de corretagem, o que também contribuiria para o aumento dos preços do Bitcoin e outras criptomoedas. Na minha opinião, é apenas uma questão de tempo antes que os preços voltem a subir, já que há tanto impulso em torno do Bitcoin e de outras moedas digitais”.

De acordo com a Forbes, é uma questão de fé também.

Fonte: ambcrypto


COMENTÁRIOS