NÃO tire muito dinheiro do banco por causa do coronavírus

20/03/2020


Sim, estes são tempos assustadores. Mas isso não significa que você deva ir ao banco, drenar suas contas e colocar seu dinheiro debaixo do colchão.

Depósitos bancários são segurados pelas organizações respectivas de cada país. Estas organizações, como o Federal Deposit Insurance(FDIC) nos EUA e o Fundo Garantidor de Créditos (FGC) no Brasil, são organizações que ajudam a manter a estabilidade do sistema financeiro nacional.

Em primeiro lugar, o FDIC salienta que quaisquer depósitos em um banco continuarão protegidos até pelo menos US $250.000. Os países europeus operam garantias de depósito semelhantes, embora os valores máximos segurados sejam diferentes. No Brasil o FGC garante até o valor de R$ 250.000.

"O lugar mais seguro para o seu dinheiro é dentro de um banco. Os bancos continuarão a garantir que seus clientes tenham acesso aos fundos direta ou eletronicamente", afirmou o FDIC.

O FDIC também lembrou aos americanos em um comunicado à imprensa na segunda-feira que os bancos estão sendo incentivados a usar a chamada "janela de desconto" do Fed para obter empréstimos de curto prazo, se necessário.

O Fed, que é essencialmente o banco americano do próprio sistema bancário, pode fornecer fundos de emergência para instituições financeiras em tempos de crise. Ele reduziu as taxas de juros para zero e reviveu vários outros programas financeiros de 2008 para garantir que os bancos tenham os fundos de que precisam.

Os grandes bancos são extremamente bem capitalizados

Mas isso pode não ser necessário, especialmente para os maiores bancos. O Fed observou em um comunicado no domingo que grandes instituições financeiras têm US $1,3 trilhão em ações ordinárias e US $2,9 trilhões em ativos líquidos de alta qualidade em seus balanços.

Isso significa que os principais bancos têm "níveis substanciais de capital e liquidez acima dos mínimos e limites regulatórios", de acordo com o Fed. Em outras palavras, não é necessário que as pessoas retirem grandes quantias de dinheiro de seus bancos. Seus depósitos estão seguros.

"O setor bancário está muito mais capitalizado agora do que durante a crise financeira de 2008. Os regulamentos apenas os beneficiaram. A liquidez existe", disse Matt Daly, chefe de equipes municipais da Conning, uma empresa de administração de ativos.

O dinheiro não pode mais ser rei em um mundo digital

Há outra diferença significativa entre agora e 2008.

Mais consumidores estão usando aplicativos de pagamento móvel, como Apple Pay, Square Cash, Venmo e PayPal, além de cartões de débito, cartões de crédito e criptomoedas para compras diárias. E muitos grandes varejistas e pequenos comerciantes não estão apenas aceitando essas formas de pagamento, eles estão incentivando ativamente seu uso.

Espera-se que isso continue, principalmente porque há relatos de como as formas físicas de dinheiro podem ser contaminadas pelo coronavírus.

Isso diminui a necessidade de as pessoas correrem para o caixa eletrônico mais próximo e tentar colocar as mãos no máximo de dinheiro que puderem.

Outro bom sinal? Os grandes bancos e muitos outros bancos regionais menores concordaram em suspender temporariamente os programas de recompra de ações, a fim de garantir que eles tenham o capital necessário para empréstimos e outras operações diárias.

Isso tudo significa que as pessoas não devem temer que os bancos estejam ficando sem dinheiro. Há muitas outras coisas para se preocupar, mas a implosão do sistema financeiro não é uma delas.

"O objetivo das bazucas do Fed nos últimos dois dias é estabilizar o sistema. O Fed é o emprestador de última instância", disse David Bahnsen, diretor de investimentos do The Bahnsen Group.

"Não tenho preocupações com o sistema bancário em geral. O acesso a dólares não será um problema", acrescentou Bahnsen.

Fonte: cnn

Isenção de responsabilidade. A Universidade do Bitcoin não endossa nenhum conteúdo nesta página. Embora tenhamos como objetivo fornecer a você informações importantes do mundo das criptomoedas, os leitores devem fazer sua própria pesquisa e análise antes de tomarem quaisquer decisões e assumir total responsabilidade por elas, nem este artigo pode ser considerado como um conselho de investimento.


COMENTÁRIOS